15
Nov 11

Estado de Arte

Olá!  

Desde o início da minha pesquisa nesta área dos ambientes virtuais interactivos e os novos paradigmas de interação que encontro alguns projetos que são muito interessantes. Pretendo neste post apresentar alguns desses projetos que considero muito interessantes do ponto de vista da inovação tanto a nível tecnológico como de conceito. Estes projetos de alguma forma captaram a minha atenção e por isso decidi partilhar aqui neste post. 

O primeiro projeto foi desenvolvido pelo André Maia, e é uma visita virtual interativa. 

 Este projeto apresenta uma visita virtual a um edifício. Permite navegar e fazer uma visita virtual ao edifício. 

 

O outro projeto que pretendo apresentar é o Saara. É um projeto de realidade aumentada em que o utilizador pode navegar num ambiente virtual construído. A base da aplicação é uma enciclopédia, através da navegação virtual é possível consultar os vários conteúdos disponíveis. 

"This interface is visible through augmented reality glasses. It presents the information (sound, video, picture and text) in a 3D space, a real room. Intuitive gestures (arm movements) and speech recognition to interact with content are allowed through a microphone and a camera which detect and capture the movement (Kinect). " retirado de http://www.projet-saara.com/, consultado a 1 de Novembro de 2011.

Algumas imagens da conceptualização do projeto.

 

 

Outro projeto que considero bastante interessante é o KinectME, the Anatomical Atlas.

Este projeto permite explorar de uma forma interactiva a anatomia do corpo humano. Através do controlo do avatar em 3D o utilizador pode ver em tempo real a constituição do corpo humano (músculos, ossos...) Pode ter acesso a mais informações disponíveis nos menus presentes.

 

publicado por paulamargarida às 16:33 | comentar
15
Nov 11

Projeto dissertação - atividade 1

Porque escolhi esta temática?

Como referi no post de apresentação, estou a trabalhar nas áreas da comunicação mediada por computador, comunicação entre espaços físicos e virtuais integrados. Sistemas de interação interativas multiutlizador são alguns dos projetos desenvolvidos no âmbito do projeto.

Para além das questões relacionadas com o trabalho, esta é uma área de interesse pessoal. Perceber como comunicam e interagem as pessoas, de que forma a evolução dos sistemas multimédia afeta a comunicação das pessoas. 

Um fascínio pessoal prende-se com o facto da rápida evolução das tecnologias, e como estas estão cada vez mais presentes na vida de cada um de nós. Desde quando o computador estava alocado a um local e não podia ser retirado de lá. Atualmente o que se verifica é a portabilidade da tecnologia, a forma como a tecnologia comanda a vida de indivíduo. Atualmente já é possível controlar o computador apenas com os gestos, ideia que apenas era possível nos filmes de ficção científica quando era criança. 

Para além da evolução a um ritmo alucinante das tecnologias a exploração do que se pode fazer com elas e de que forma estas influenciam a nossa vida. Mais em específico e relacionado com a temática da dissertação acho muito interessante o facto de não ser necessário recorrer a nenhum dispositivo (como rato, comando, teclado) para se poder controlar o avatar do mundo virtual 3D. Quais as vantagens em se puder controlar um avatar apenas com os movimentos do corpo? 

 

Que título daria neste momento à minha investigação?

Neste momento o título que daria à minha investigação é o seguinte: Interação controlada por gestos em ambientes 3D distribuídos

Entendo que este título que neste momento daria à minha investigação descreve as principais áreas de estudo envolvidas neste projeto. Tem menos de 70 caracteres (limitação da UA). 

Não vou fazer, talvez faça, não faço a mínima ideia se tenho de fazer ou não...

 Esta tópico é um desafio para responder =) 

O que não vou fazer, de momento torna-se difícil prever o que não vou fazer, uma vez que nesta área a evolução e as mudanças tecnológicas decorrem a uma velocidade superior à da luz! Todos os dias existem novas tecnologias que permitem desenvolver o que há alguns anos apenas faziam parte dos filmes de ficção científica (como o Minority report). 

Assim, em jeito de conclusão não faço a mínima ideia do que não vou fazer =)

 

publicado por paulamargarida às 16:23 | comentar